10 Anos de Breaking Bad



20 de Janeiro de 2008, nascia a série que iria se tornar a melhor série de todos os tempos, e isso não é algo dito por fãs. Breaking Bad leva esse subtítulo devido à análise feita por críticos mundiais, publicada no site Metacritic, alcançando incríveis 99 pontos. Tornando-se assim, reconhecida até pelo Guiness World Records, a melhor série produzida até o momento. 

Uma série despretensiosa, rejeitada por vários canais de TV, como HBO, FX, entre outros, acabou sendo exibida por um canal novato na época, o AMC. Breaking Bad foi a segunda série do canal, após Mad Men. Uma primeira temporada curta, rasa, em meio a uma greve de roteiristas nos EUA que quase acabou dando um fim precoce para a série.

Vince Gilligan, o criador da série, não criava a série a longo prazo. Ia passo a passo, junto com sua equipe, criando temporada por temporada, desenvolvendo a trama devagar, acrescentando e retirando ideias a todo instante. Jesse Pinkman, por exemplo, ia morrer logo na primeira temporada, mas mudaram de ideia devido ao brilhante ator Aaron Paul, que vivia um promissor personagem.

Não tinham ideia como iriam terminar a série. Lembro que após a metade da última temporada eles ainda não tinham ideia definida pra isso. Aquela metralhadora, mostrada no início da quinta temporada não tinha ainda objetivo certo para ela. Naquele momento eles não sabiam que Walter iria usá-la para exterminar os nazistas.

Acredito que por isso o sucesso da produção da série, pois seguiam a trama e aprofundavam no que dava mais certo e não persistiam no erro. Terminaram a série de forma esplêndida. Dificilmente isso acontece. Dificilmente uma série que se tornou viral, premiadíssima, termina agradando tantos quanto Breaking Bad agradou. The Sopranos, da HBO, é um exemplo. Uma excepcional série mas que não agradou muito com seu final.

10 anos se passaram e muitos, acreditem, muitos ainda estão vendo a série, muitos estão começando ou vão começar a ver a série. Muitos estão revendo a série, isso é fantástico. Esse legado é deixado por pouquíssimas séries. Normalmente você acaba de ver uma série e passa pra outra, segue em frente, mas Breaking Bad marcou uma geração e segue disseminando o seu universo até hoje, 10 anos após sua estreia. 

O seu Universo está longe de terminar. Better Call Saul segue bem, indo para a sua quarta temporada e mantendo viva a chama criada por Vince Gilligan, agora baseando-se no personagem Saul Goodman. O clima de Better Call Saul e os personagens que conhecemos em Breaking Bad vistos nesse spin-off são atrativos que trazem de volta aquele sentimento que vivemos em Breaking Bad, dando ainda mais detalhes daquele mundo de Albuquerque, que, também, é nos contado paulatinamente.

Por isso mesmo esse site vive, completa 8 anos de existência em 2018. A série acabou mas os fãs continuam. Nada acaba definitivamente na TV, ainda mais um universo de sucesso como esse. Se vai voltar ou não, ninguém sabe, mas não precisa voltar, fechou sua existência de maneira esplêndida. Mas o que Vince Gilligan nos der daqui pra frente, será muito bem recebido, pois tudo que ele e sua equipe criarem para esse universo pode ter certeza que será de extrema qualidade.

Parabéns Breaking Bad, obrigado novamente, Vince Gilligan.

Sigam a nova página do Breaking Bad Brasil no Facebook

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado pelo seu comentário!

Tecnologia do Blogger.