Pular para o conteúdo principal

"Bullet Points" 4x04




Incrivelmente linear.

Essa é a 4ª temporada de Breaking Bad. Walter aflito, tendo que resolver inúmeros problemas, e quando parece que a situação não tem como piorar, mais merda é jogada no ventilador. Fugir, como propôs Saul? Walter pensou com muito carinho, mas não deve ser essa a sua decisão, por enquanto. Qual será? Pergunte para Vince Gilligan, porque eu não faço a mínima ideia.

E é isso que me fascina na série. Você não tem a mínima ideia do que diabos vai acontecer. Tá, ok. Walter e Jesse nunca vão morrer. Você garante? Tudo bem, Walter só poderia morrer no final, não tem jeito. Antes, a série acabaria.


Mas Jesse eu já não tenho toda essa certeza. Incrível como ele está pedindo pra morrer. Na verdade ele não está ligando pra nada. Nada mesmo. Sua vida já não tem sentido. Surpreendi-me com ele várias vezes nesse episódio. Quando achava que agora ele iria reagir, explodir, quebrar a cara de alguém, sei lá... Ele não esboça uma sequer reação. Não acredito que Mike irá acabar com ele. Gus (estava com saudades dele) não é burro. Jesse faz parte de seu quebra-cabeças e vai usá-lo de alguma forma, se não, já teria o matado.

O episódio começou de forma tensa e engraçada. Aquela situação parece ser cotidiana na vida de Mike, pois não houve nenhuma menção do fato no episódio, porque serviu pra mostrar que Mike passa por cima de muitas coisas em lealdade a seu patrão, por isso, os planos de Walter de ser seu aliado, vão por água abaixo.

Por falar em cena engraçada, sensacional a cena onde Hank mostra o DVD Karaokê de Gale para Walt. Ri litros, não teve como. Só quem não achou graça nenhuma foi Walter, que via ali seu antigo parceiro morto, inocentemente. Tem que ter muito sangue frio pra mentir e aguentar aquilo daquele jeito. Hank venera Walter e nem imagina que seu pacato cunhado está por trás disso tudo. Acho que o "WW" não foi suficiente para mudar as coisas, principalmente depois da saída genial de Walter.

Parece que os panos de Skyler deram certo. Mais uma interpretação digna de um Emmy, não é mesmo? Anna Gunn está excelente nessa temporada. Por várias vezes interpretou outro personagem, dentro do mesmo personagem.

Para desespero de Walter, pretende ser perfeccionista ao extremo e por enquanto está dando certo, mas não está no negocio apenas para ajudar Marie e Hank. Ficou claro que pretende retomar a sua vida com Walter e espera um pedido de desculpas sinceras para dar início a isso. Quando Walter pediu desculpas, seus olhos lacrimejaram e por um instante pensamos que as palavras de Walter eram sinceras. Infelizmente não era. Como é orgulhoso nosso Walter White.

Assim caminha Breaking Bad, de forma impecável, tensa, envolvente, dramática e muitas vezes, cômica. Atuações brilhantes. Não estou dizendo nenhuma novidade, porém não custa nada repetir.

Não acredito que já se passaram 4 episódios! Está passando tão rápido!