Pular para o conteúdo principal

Uma Conversa Sobre Skyler

Skyler White.

Para muitos, o personagem que detém os adjetivos mais perversos de Breaking Bad. Basta ouvirem o seu nome para alguns fãs simplesmente detratarem-a veementemente. Acho que se encontrarem com  Anna Gunn casualmente, não saberiam distinguir o personagem da atriz (já houve casos assim) e provavelmente a insultariam, tamanho o ódio que o personagem disseminou em certos momentos.


Vamos conversar um pouco sobre o personagem.

Primeiramente Breaking Bad é uma série de "vilões", de gente má. Eu não defendo nenhum deles. Os personagens sempre estão agindo de alguma forma passível de punição. Claro que alguns tem mais "culpa no cartório" do que outros, mas todos são criminosos, de um jeito ou de outro. Walter é o principal deles. Entrou para o mundo do crime por uma causa "nobre", mas acabou sendo superado pelo seu ego, ultrapassando limites nunca antes imaginado. Muitas vezes fez justiça com as próprias mãos e o telespectador esteve ao seu lado, mas em outras oportunidades o odiamos com veemência.

Skyler também entrou para o mundo do crime, independente se a atitude foi justa ou não. Ela é uma criminosa. Mas o fato dela ser a personagem mais odiada da série, não vem das suas últimas atitudes, mas de uma traição (quase) imperdoável. Nas  primeiras temporadas ela era a voz da moralidade, mas levava a fama de ser a "estraga prazer" de Walter. Contudo, por mais que o tempo passou e por mais que os outros personagens fizessem coisas horripilantes, nenhuma dessas atitudes foram capazes de superar a atitude de Skyler.

O desenvolvimento proposital do roteiro referente à traição de Skyler aumentou e muito o ódio pela sua ação. Em episódios anteriores ao fato, já lamentávamos, torcendo para que não se consumasse, Skyler traindo sexualmente seu marido. E aconteceu. De forma perversa, com Walter se humilhando, contando quase toda a verdade, assumindo (um pouco) seus erros, Skyler foi tirana, jogando na cara de Walter a sua traição: "Eu transei com Ted". Os olhos marejados de Walter fez-nos emocionar, criando uma raiva absurda por Skyler. Foi como se nós tivéssemos sido traídos por nossas esposas/namoradas. Parecia que o fato era com a gente, tal como foi bem feita a produção dessa parte da série..

Confesso que fiquei deprimido, nem dormi direito naquela noite. Pensava como, porquê, pra quê, como assim, não pode. Doeu. Pensei em largar a série, mas o ódio não deixou. Nos episódios seguintes seguia a relação adultera, doendo ainda mais a cada vez que Skyler se encontrava com Ted. Talvez os homens tenham sentido essa traição bem mais que as mulheres que assistem a série. Talvez o machismo falou mais alto, mas é preciso nos colocarmos na pele da pessoa dona da perversidade para compreendê-la melhor.

Foi o que fiz. Walter teve uma boa parcela de culpa, ele meio que procurou isso, forçando a barra, tentando voltar para a sua casa mesmo contra a vontade de Skyler. Ela estava confusa com toda a situação, acabou traindo seu marido e jogando em sua cara o fato, tentando forçá-lo a sair de casa. Skyler nunca amou Ted, estava confusa, e vimos que pagou um preço por isso, tardiamente mas pagou. 

Ainda assim sua atitude é deplorável, mas Skyler é um dos personagens que protagonizaram menos atitudes deploráveis. É preciso perdoá-la. O próprio Walter a perdoou. Perdoou porque sabe (em momentos em que não está tomado por seu ego) que tem pecados bem piores em suas mãos. O próprio Gilligan em entrevista disse que Skyler tem uma tarefa difícil por ser casada com Walter, aquele cozinheiro de metanfetamina, marido assassino e produz drogas para as crianças.

"É fácil julgá-la. O difícil é estar em sua pele." 
Reitero e termino dizendo que ninguém da série é santo e todos devem pagar pelos seus atos. Skyler pagou e ainda está pagando por seu erro e os outros personagens estão pagando da mesma forma. O fim se aproxima. Tudo que Walter quis foi ter uma família saudável e feliz, além de ter reconhecimento "profissional", porque reconhecimento pessoal - o mais difícil - sempre teve e jogou fora. Por enquanto ele está tendo reconhecimento da pior forma e esteve prestes a perder sua família por isso. Com Skyler definitivamente ao seu lado uma certeza teremos: eles terminarão juntos, presos ou vivendo felizes para sempre, mas com a aceitação um pelo outro, até que a morte os separem.