Easter Eggs e Curiosidades: "Buried" 5x10

Bem vindo a mais um post da nossa coluna "Easter Eggs e Curiosidades", dessa vez para falar de "Buried" 5x10. Chegou a hora de comentarmos sobre algumas curiosidades que talvez possam ter passado desapercebidas em mais um excelente episódio da última temporada de Breaking Bad, o favorito do editor da série, Kelley Dixon. Vamos a eles!

— Logo quando Walter configurou o seu GPS e nos mostrou as coordenadas da "mina de ouro" (34 ° 59 '20.00 ", -106 ° 36' 52"), claro que aqueles números não seriam um número qualquer, pois em Breaking Bad nada é jogado ao vento. Porém, infelizmente (ou não), os números não levam ao esconderijo do dinheiro de Heisenberg, claro, mas indica um dos estúdios de gravação da série em Albuquerque, NM.

Trata-se da ABQ Studios, estúdio usado por Breaking Bad e também por diversas produções da TV e do cinema, incluindo o filme "Os Vingadores".

Cerca de 1.5km dali, existe um escritório do DEA.

E se as coordenadas levassem ao esconderijo de Walter, você teria coragem de ir lá roubá-lo? Afinal, ele matou 10 caras na cadeia em dois minutos. Só estou dizendo, ou melhor, a frase é do Kuby.

—  Mais uma vez um episódio exibe inúmeras referências à própria série, com ângulos de câmera idênticos aos mostrados em episódios anteriores. Desde já digo que são dezenas, mais uma vez, e irei destacar algumas que ilustraram esse episódio. Caso queiram compartilhar outras (e vai ter) que não estão nessa postagem, fique a vontade nos comentários.

— O local onde Walt enterra o seu dinheiro fica em To'hajiilee, uma reserva em Navajo, no Novo México e, como percebe-se na imagem, é o mesmo local onde foram gravadas algumas das cenas do piloto da série.

— "Mandar para Belize", gíria que o excelente personagem Saul proferiu em certo momento do episódio, sugerindo que Walter mandasse o seu cunhando Hank para Belize, lugar onde Mike estaria. Claro que a frase ganhou as redes sociais e agora se você quiser ficar livre de alguém, mande ele para Belize! 

Pra quem não sabe, Belize é um país da America Central, e entrando na onda da brincadeira, a secretaria de turismo daquele país convidou o elenco de Breaking Bad a passar férias lá, mencionado alguns dos atrativos que os personagens iriam gostar. O convite foi feito através do twitter da secretaria, veja aqui.

O ticket de viagem do Hank já está pronto, caso Walter decida. [rs]

— O carrinho de controle remoto ataca novamente. Ele esteve no último episódio, referência clara ao episódio de estreia da 2ª temporada, Seven Thirty-Seven. Detalhe que ambos episódios foram dirigidos por Bryan Cranston, que também dirigiu a première da 3ª temporada, mas lá não houve carrinho de controle remoto algum. Mas essas aparições pode ter acontecido para dar uma pista do que virá pela frente. Vimos que Marie destruiu o brinquedo na segunda temporada e Walter por pouco não fez o mesmo. Talvez a cena queira nos passar algo que virá pela frente, porém ainda invisível. Ou talvez seja apenas referências, vamos teorizar.

Circulado de vermelho vemos a placa do novo carro de Walter. O leitor Eduardo Luedy mencionou no último post de easter eggs que a placa também seria uma referência. 5BB920X: 5ª temporada de Breaking Bad, porém o restante ainda é um mistério. Palpites?

— O que você faria se no momento de um programa que tanto esperava, o sinal da TV a cabo fosse interrompido? Infelizmente não dá para ligar para Saul, pois está muito ocupado com Walter, então os telespectadores americanos, que infelizmente passaram por esse problema, se desesperam e ligaram para o 911, serviço de emergência dos Estados Unidos. A situação levou a polícia da Califórnia a postar uma mensagem em sua página no Facebook repudiando a atitude das pessoas, dizendo que isso não seria uma "emergência". Não seria porque... bom, deixa pra lá. A postagem teve grande repercussão, trazendo muitas brincadeiras e levando a polícia a apagar a postagem. Bobos, nem sabem brincar.

— Aaron Paul apareceu em dois momentos nesse episódio. No início e no fim, mas como vocês notaram, ele não disse uma sequer palavra, o que faz de Walter o único personagem da série a aparecer com falas em todos os episódios. 

Ah! Ele ganhou 150 mil dólares por essa participação. Muito pouco, não?

— Música do episódio: "Quimey Neuquen" de Jose Larralde. Fundo musical que ouvimos enquanto acompanhamos Walter enterrar o dinheiro.

  
Tecnologia do Blogger.