Pular para o conteúdo principal

Bob Odenkirk diz que 'Better Call Saul' poderá ser uma sequência de Breaking Bad

Segue indefinido a estrutura que será adotada em 'Better Call Saul', spin-off de Breaking Bad confirmado pelo AMC. O que temos são informações passadas por Vince Gilligan, que dão conta que a série seria baseada no passado de Saul Goodman, antes de conhecer Walter White, porém isso ainda não está definido. A série poderá ser ambientada após o fim de Breaking Bad.

E que confirma é Bob Odenkirk, protagonista da série, em entrevista para o IGN

Spoilers para quem não viu o fim de Breaking Bad:

A série poderá contar a vida de Saul Goodman após o fim de Breaking Bad, quando usou o 'cara que conhece o cara que conhece o cara...' para fugir de Albuquerque, rumo à Nebraska. A informação abrange e muito as possibilidades da série se misturar com os acontecimentos finais de Breaking Bad, podendo, supondo, acompanhar um pouco mais dos personagens que terminaram vivos na série, principalmente, Jesse Pinkman. Por outro lado, não veríamos os personagens que se foram, principalmente Walter White, como especulou Vince Gilligan.

"Ainda não decidiram se será uma continuação ou prelúdio", disse Bob Odenkirk ao IGN. Ele disse que conversou com Vince Gilligan e Peter Gould, e o fato de muita gente estar querendo saber o que aconteceu com Saul Goodman após Breaking Bad, fez com que eles ainda não saibam em certo como será a série. 

Odenkirk diz que vai participar do processo criativo e vai tentar influenciar. Mas quando Vince escrever o roteiro e passar para ele, descobrindo a sua parte, ele não vai tentar criar o próprio universo, ou ditar nada. Ele vai trabalhar de ator, que é pegar o roteiro, estudar, pensar, sentir e perguntar: 'Quem é essa pessoa e como eu posso ser ela?' Ele diz que tem sido incrivelmente libertador fazer isso. Ele diz que tem dirigido, produzido e escrito. E quando ele faz todas essas coisas, atuar é muito menos divertido e você tem muito menos energia e foco, como ator, porque ele está pensando em todas as coisas que giram em torno do personagem, e não apenas no papel.

Ele diz que não conversaram se a série traria o início da carreira de Saul, quando ele se tornou o que é, mas que estão pensando muito nisso e curiosos sobre o assunto.

Odenkirk confirma que vão começar a escrever a série em duas ou três semanas. Ele também diz que quer que a série siga o seu próprio caminho, podendo ter uma ou outra participação especial, mas que seja um programa completamente novo.

E se a série for estruturada com o passado e futuro, com pinceladas entre eles? Ninguém disse isso, só estou viajando. Mas seria legal, não?

Leia mais sobre Better Call Saul