Pular para o conteúdo principal

Review: "Homenagem" de Os Simpsons à Breaking Bad

Não assistam imaginando ser um "homenagem" à Breaking Bad porque irão se decepcionar.  A única "homenagem" veio na abertura do episódio e só. Isso soou como um grande comercial para a animação. Ou um grande comercial para Breaking Bad. Depende do ponto de vista.

O promo mostrou Homer caracterizado de Heisenberg, mas essa caracterização não foi vista no episódio. Os bolinhos azuis sim, foram vistos, mas nenhuma relação com Breaking Bad, exceto (óbvio) a cor. O episódio trouxe uma relação conflituosa entre Homer e sua esposa Marge, trama que acompanhamos em diversas séries e também na vida real, mas nada que poderemos relacionar especificamente à Breaking Bad.

Mas isso não degrine o episódio. A historinha é até divertida, bem elaborada e bem escrita. Os fãs de Simpsons assistirão sem problemas e com certeza se divertirão com ele. Algumas piadas e situações bem engraçadas do cotidiano familiar, com Homer tentando ser um marido que Marge sempre quis, mas que no final, a tentativa de Homer em alcançar esse objetivo valeu a pena para Merge, fechando o episódio com um final feliz. 

Claro que a animação já mostrou isso milhões de vezes.

O outro núcleo do episódio mostrou Milhouse adotando um jeito bad boy para atrair Lisa depois de ler um livro chamado "Um bonde chamado desejo". Nada relacionado à Breaking Bad, mas divertido, da mesma forma.

A série usou Breaking Bad pra se promover, mas também promoveu Breaking Bad. Não tenho reclamação quanto a isso e é até louvável. A série está ganhando ainda mais notoriedade, tardiamente, mas está ganhando. Quem dera se Os Simpsons ou os Caçadores de Mito tivera feito isso antes.

Comentários